Pular para o conteúdo principal

MENTIRAS SOBRE SEXO NAS QUAIS ACREDITAMOS





Corpos perfeitos = Sexo incrível Certo? Não, errado!

Esta e outras mentiras nas quais acreditamos.
A primeira vez em que ouvi falar do assunto, lembro-me da sensação desconfortável que tive: se falta tempero à sua vida amorosa, se ela lhe parece um tanto tediosa, mande as crianças para a casa de amigos, prepare um jantar à luz de velas e espere o “seu homem” na porta da frente enrolada apenas em saquinhos plástico (daqueles que se usa para congelar comida ou embrulhar sobras). Em primeiro lugar, saquinho plástico suficiente para “me embrulhar” sairia caro. Em segundo, será que eu realmente queria enviar ao meu marido a mensagem subliminar de que eu era uma espécie de “sobra”, que deveria ser embrulhada? E, por último, o que poderia acontecer comigo – embrulhada em todo esse plástico, caso chegasse muito perto das velas?
Depois de pensar cuidadosamente sobre o assunto, decidi deixar o saco plástico no lugar a que ele realmente pertence: a cozinha. E, em vez de toda essa bobagem, resolvi que em nossos momentos íntimos escolheria pensar em mim mesma como um presente de Deus para meu marido que viria em uma linda embalagem. Esta escolha nem sempre é a mais fácil. Nossa cultura mente sobre a dádiva da sexualidade com a qual Deus nos presenteou. Veja abaixo se algumas dessas mentiras estão roubando de você e de seu cônjuge a alegria que Deus planejou para experimentarem no seu maior momento de intimidade.

Mentira nº 1: Sexo é fazer apenas o que flui naturalmente. 
Verdade: Manter um relacionamento sexual satisfatório exige esforço. 

Informe-se sobre o seu corpo e o corpo do seu cônjuge. A biblioteca do seu bairro ou as livrarias próximas devem ter excelentes materiais sobre o funcionamento do corpo humano. Você pode ler, por exemplo, O conjugal – de Tim & Beverly LaHaye. Depois experimente o que parecer bom e interessante para você e seu parceiro.
Deixe claro o que lhe faz sentir desconfortável, e informe-se sobre a anatomia dele. Descubra onde ele gosta de ser tocado, e o que o deixa “aceso”. Compartilhe com ele o que deixa você “acesa”; e de que maneira os dois trabalhando em conjunto podem tornar a vida sexual ainda melhor.
Conheço uma sábia mulher que gastou horas de seu precioso tempo para identificar os vários dias de cada mês em que seu desejo sexual está mais alto. Uma vez identificados os dias, ela faz de tudo para garantir que seu marido e ela tenham oportunidades para encontros amorosos neste período especial. (Para a maioria das mulheres este período é em média de 12 a 16 dias após o seu ciclo menstrual, contando a partir do primeiro dia de fluxo). Esta será uma situação onde ambos sairão ganhando.

Mentira nº2: Corpo perfeito = Sexo incrível
Verdade: Corpos bonitos não garantem um relacionamento satisfatório.

Recentemente vi uma manchete de jornal que chamou minha atenção. Ela trazia a seguinte pergunta: “Por que estes homens traem as mulheres mais lindas de Hollywood”? Cuidar do nosso corpo físico é uma forma de honrar a Deus. Mas promover o culto a esse corpo não é adorar a Deus. Quando estamos obcecados com nossa aparência ou nos comparamos constantemente com algum “tipo ideal”, estamos brincando com o perigo. Uma dieta saudável e exercícios adequados nos manterão funcionando bem até o dia em que receberemos nossos novos corpos, glorificados, nos céus. Até lá, teremos que lidar com a imperfeição. Não permita que padrões impossíveis de nossa cultura enganem você e seu marido. Conceda a si mesma a liberdade de se alegrar com o corpo que Deus lhe deu.

Mentira nº 3: Intimidade emocional é melhor do que intimidade física.
Verdade: Ambas são igualmente importantes. Os homens, em geral, possuem uma grande necessidade de intimidade física, enquanto as mulheres requerem maior proximidade emocional. Porém, em um número cada vez maior de casamentos, está ocorrendo exatamente o oposto: as mulheres têm sentido maior necessidade sexual.

O propósito de Deus para as nossas diferenças é que elas nos completem e nos mantenham juntos, e não para que nos separem. “Criou Deus o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou.” (Gênesis 1.27)
Esta afirmação bíblica confirma qualidades masculinas e femininas, e ambas espelham o caráter de Deus. Imagine um imã. Os pólos opostos se atraem enquanto os similares se repelem. Ambos os componentes, físico e emocional, são igualmente importantes para um casamento saudável. Por isso, da próxima vez que você for tentado a julgar severamente o seu cônjuge porque ele/ela não é sexualmente ou emocionalmente “igual a você”, lembre-se que Deus os criou diferentes um do outro, com um propósito – para que ambos cresçam e se aprimorem emocional, espiritual e fisicamente.

Mentira nº 4: Ninguém mais tem um problema como esse.
Verdade: É muito raro um casal que não tenha que lidar com desafios entre quatro paredes. 

Alguns problemas podem ser temporários e se resolvem com o tempo, oração e paciência. Mas, para assuntos como abusos, infidelidade, uso de pornografia e outras distorções sexuais o auxílio de um terapeuta é imprescindível. Em termos físicos, o corpo humano é a criação mais complexa de Deus. Infelizmente, às vezes as coisas não funcionam como deveriam. Certos problemas ocorrem com maior freqüência à medida que envelhecemos. Não se envergonhe em conversar sobre problemas sexuais com o seu médico. Peça que lhe recomende um especialista caso ele mesmo não esteja preparado para ajudá-lo. O mais importante, todavia, é lembrar-se que você não está sozinho. Outras pessoas também estão passando pela mesma situação.

Mentira nº 5: O cônjuge cristão jamais deve dizer “não”.
Verdade: “Sim” não significa nada se não há opção de dizer “não”. 

É o compromisso de amar um ao outro que nos desafia a dizer “sim” o máximo que pudermos. Mas descobri que também honro o meu cônjuge dependendo da maneira como digo “não”. “Amor, estou realmente cansada esta noite. Que tal dormirmos agora e colocarmos o despertador para meia hora mais cedo?” Ou “Este é um daqueles períodos difíceis do mês, mas tenho certeza que vou me sentir melhor em uns dois dias. O que acha de namorarmos no sábado?” Apenas certifique-se de que um “sim” adiado terminará em um “sim” concretizado. Para a maioria dos maridos, sexo é a maneira mais satisfatória de dar e receber amor. Quando digo “sim” ao meu marido, estou aceitando o seu amor e reafirmando o amor dele por mim.
Certamente, existem momentos em que dizer “sim” coloca as necessidades do meu cônjuge acima das minhas. Porém, este é o tipo de escolha que me coloca diretamente no meio da graça de Deus e da sua provisão.

Mentira nº 6: “Sexo Santo” significa usar sempre a “posição missionária”, (conhecida também como “papai e mamãe”).Verdade: A única “posição missionária” que já encontrei em minha Bíblia é um mapa que traça as rotas por onde o apóstolo Paulo seguiu em suas viagens missionárias. 

O “Sexo Santo” é uma celebração. Algumas vezes é uma mútua declaração de amor. Em outras, uma explosão de intensa paixão. Qualquer que seja o caso, a lei do amor deve ser sempre aplicada; e esta lei não tolera qualquer comportamento que inflija dor, cause ferimentos, use medo ou humilhação para atingir a satisfação. Mas dentro das fronteiras do amor há liberdade para a criatividade entre marido e mulher. Você pode achar sugestões muito interessantes em um livro altamente confiável chamado Cântico dos Cânticos. Este livro está sempre disponível e é facilmente encontrado em sua Bíblia.

Mentira nº 7: Por causa do meu passado não mereço me alegrar com sexo.
Verdade: Todos nós já fizemos escolhas erradas em nossa vida, e cada um de nós também já sofreu pelas escolhas erradas de outras pessoas. Mas isso não significa que não temos o direito de ser felizes.

A graça e o perdão de Deus são maravilhosamente dispensados a cada um de nós através de Jesus; e nós o honramos cada vez que escolhemos receber a graça que ele nos oferece. Quando, na prática, aceitamos essa graça, podemos reparti-la livremente. Você se recorda da mulher que ungiu os pés de Jesus e depois os enxugou com os próprios cabelos (Lucas 7.36-38)? Ela tinha plena consciência da grande dádiva de perdão que havia recebido e estava expressando sua gratidão através de uma atitude de amor. Em razão do perdão de Deus e de sua imensa misericórdia, não podemos permitir que o passado roube o presente que Deus nos proporciona. A alegria proveniente da intimidade entre marido e mulher pode se tornar algo ainda mais doce e suave quando adotarmos verdadeiramente a prática de dar e receber perdão.
Pare apenas um minuto e pense na mais bonita embalagem em que você recebeu o melhor presente que já ganhou. Lembra-se de como arregalou os olhos e perdeu o fôlego por alguns instantes quando segurou o presente em suas mãos? Consegue se lembrar de como virou cuidadosamente o pacote para olhar todos os lados? Talvez você o tenha balançado suavemente tentando descobrir o que era; antes de desfazer o belo laço que adornava o embrulho e tirar o lindo papel que o envolvia. Lembra-se do que sentiu ao ver aquele maravilhoso presente que fora escolhido especialmente para você, por alguém que lhe conhecia intimamente? Você é o presente de Deus para o seu cônjuge. Não pense em jóias, roupas, carros esportivos, iates... Nada disso! Deus pagou pelo melhor presente que existe: você!


Escrito por: Teri Looney é oradora e escritora free-lancer e mora no Texas.

Postagens mais visitadas deste blog

SANGUE INUNDARÁ O BRASIL" - PROFECIA DE NOSSA SENHORA SOBRE O BRASIL EM 1936

"O
Os 3 grandes castigos! Fez-se inexplicável silêncio sobre as aparições de Nossa Senhora no agreste pernambucano em 1936 e caíram no esquecimento. Mas a Ssma. Virgem anunciara que viriam tempos calamitosos e três grandes castigos para o Brasil. No primeiro artigo, reproduzido abaixo, seu autor comenta essas previsões sobre o prisma da crise da Igreja e a ameaça comunista ao Brasil. O segundo texto, do grande lutador Pe. Júlio Maria, apresenta uma pormenorizada narração dessas aparições de 1936 em que Nossa Senhora anunciou que o sangue inundará o Brasil.
A VIRGEM SANTÍSSIMA AFIRMA QUE O BRASIL PASSARÁ POR UMA SANGRENTA REVOLUÇÃO PROMOVIDA PELO COMUNISMO! FRANCISCO ALMEIDA ARAÚJO *
Todos quantos me conhecem através de meus escritos, palestras, cursos e programas de Rádio e Televisão promovidos em todas as regiões do nosso querido Brasil, sabem da minha relutância em divulgar revelações particulares ainda não reconhecidas pelo Magistério da Igreja. No entanto, de todas as “revelações pa…

Reflexão sobre o Evangelho segundo S. Lucas, cap. 14, vs. 25 a 33

Leitura do Evangelho do 23º Domingo do Tempo Comum



No capítulo 14 do Evangelho segundo S. Lucas, vemos Jesus que quer preparar a todos os seus seguidores para o seu Sacrifício na Cruz, bem como para as consequências que implicam da decisão de segui-lo. O Senhor, com imensa decisão, resolve partir para Jerusalém, mesmo sabendo que caminha para a sua própria morte.
No versículo 25, Jesus vê que não está sozinho: grandes multidões o acompanhavam. O texto original em grego enfatiza que aquelas pessoas “caminhavam junto” com Ele. Aquelas pessoas vão com o Senhor, e Ele quer alertá-las, torná-las conscientes de para onde estão indo e em que implicará a decisão de acompanhá-lo. Parando no meio da jornada, Ele se volta para essas pessoas e lhes diz algo como: “Vocês querem ir comigo, mas vocês sabem qual é a realidade de ser meu discípulo?”.
Aquilo que devemos dar a Deus Pai, conforme descreve o capítulo 6 do Livro do Deuteronômio, ficamos sabendo que devemos dar também a Deus Filho: “Amarás o…

Moringa, uma planta com imensos benefícios

Se ainda não ouviu falar da moringa, vai, neste artigo ficar a conhecer uma planta com bastantes benefícios para a saúde e o bem-estar do corpo. Moringa (Moringa oleifera) é uma planta de origem tropical ainda pouca conhecida na Europa, embora o seu uso como suplemento dietético comece pouco a pouco a estender-se. Um número cada vez maior de estudos científicos associam a ingestão de moringa em pó com inúmeros benefícios para a saúde, como a melhoria da pressão arterial, da glicose, a redução do colesterol, entre os outros. A árvore da Moringa Oleifera atinge uma altura de 7-12 metros é, originária das zonas próximo do Himalaia (Índia e Paquistão), e muito popular em países tropicais e subtropicais da África, Ásia (Filipinas, Camboja), América do Sul e Central e no Havaí, onde também é cultivada. Moringa – um potencial suplemento dietético A árvore de Moringa vem sendo usada ao longo dos tempos como uma planta medicinal. Sendo por isso conhecida como árvore milagrosa. Todas as partes …