Pular para o conteúdo principal

#ficapadremarcelo



Revolta Tristeza e sensação de perda tomaram o coração dos fiéis durante a missa de despedida do Padre Marcelo Cezarino, realizada na noite desta quarta-feira, na Paróquia do Beato André de Soveral, em Emaús. Por determinação do bispo Dom Jaime Vieira Rocha, o padre Marcelo Cezarino deixa a Paróquia de Emaus e assume a partir do dia 19, a Paróquia de São João Batista, em Lagoa Seca/Natal. Em seu lugar ficará o Padre Abelardo Freitas, com posse marcada para às 19h30 do próximo dia 8.

A transferência não agradou as quatro comunidades católicas atendidas pelo Padre Marcelo Cezarino: Parque Industrial, Jardim Aeroporto, Parque das Orquídeas e Emaus. E, gerou na última semana uma grande mobilização dos moradores, que conseguiu reunir 3.600 assinaturas para a campanha “Fica Padre Marcelo”, entregue ontem, 30, ao arcebispo Dom Jaime Vieira Rocha.


Movimento com direito a hasteg, página no face e abaixo-assinados foi organizado por Josélio Lopes, há uma semana, e que classifica a transferência de Padre Marcelo Cezarino como perseguição. “É perseguição e não vamos aceitar isso porque a Arquidiocese nem sequer consultou os fiéis sobre essa transferência”, justificou.

Uma comissão de fiéis formada por Nida Bezerra, Creminaldo Souza e Atahan Solon se encontrou ontem com o arcebispo Dom Jaime e solicitou a permanência de padre Marcelo até que ele pudesse concluir as obras iniciadas na Paróquia do Beato André de Soveral. “O bispo nos garantiu que era possível adiar por enquanto essa transferência. Pediu inclusive, que adiássemos a missa de despedida do Padre Marcelo. Tenho tudo gravado”, disse Nida.


Mas, para surpresa dos fiéis, a missa de ação de graças da noite desta quarta-feira se transformou em uma celebração de despedida, anunciada pelo próprio Marcelo Cezarino, causando revolta nos fiéis. “Fomos pegos de surpresa com essa transferência abrupta. Teve fiéis, inclusive que passaram mal. E, não vamos nos calar”, disse Atahan Solon.

Dona Rosa Melo, 69, moradora do Jardim Aeroporto, foi uma das fiéis que passou mau com a notícia da transferência. “É uma injustiça o que estão fazendo com o padre Marcelo e com a comunidade de Emaus. Não merecemos isso e esse não é o ensinamento dado por nosso Papa Francisco”, diz a moradora.








Nena Toscano, que também tem se empenhado para a permanência do padre Marcelo disse “Entendemos que a transferência de padres é necessária, mas discordo da maneira como foi feita. Foi muito rápido e nós fiéis que pagamos o dízimo não fomos nem ouvidos. A igreja é feita por nós e o bispo nunca pisou aqui. Desconhece a nossa dedicação e o trabalho que realizamos juntos com padre Marcelo. Ele precisa de mais tempo para concluir o que começou”, disse indignada.

A celebração contou ainda com a presença do vereador Giovani Rodrigues e sua esposa que também congrega a Paróquia. A Igreja ficou lotada de fiéis e um telão foi montado na parte externa para que todos pudesse assistir à celebração. A comunidade preparou uma festa, logo depois da missa, para homenagear o padre.


Postagens mais visitadas deste blog

Reflexão sobre o Evangelho segundo S. Lucas, cap. 14, vs. 25 a 33

Leitura do Evangelho do 23º Domingo do Tempo Comum



No capítulo 14 do Evangelho segundo S. Lucas, vemos Jesus que quer preparar a todos os seus seguidores para o seu Sacrifício na Cruz, bem como para as consequências que implicam da decisão de segui-lo. O Senhor, com imensa decisão, resolve partir para Jerusalém, mesmo sabendo que caminha para a sua própria morte.
No versículo 25, Jesus vê que não está sozinho: grandes multidões o acompanhavam. O texto original em grego enfatiza que aquelas pessoas “caminhavam junto” com Ele. Aquelas pessoas vão com o Senhor, e Ele quer alertá-las, torná-las conscientes de para onde estão indo e em que implicará a decisão de acompanhá-lo. Parando no meio da jornada, Ele se volta para essas pessoas e lhes diz algo como: “Vocês querem ir comigo, mas vocês sabem qual é a realidade de ser meu discípulo?”.
Aquilo que devemos dar a Deus Pai, conforme descreve o capítulo 6 do Livro do Deuteronômio, ficamos sabendo que devemos dar também a Deus Filho: “Amarás o…

Costumes Matrimoniais nos Tempos Bíblicos: Casamento, Levirato, Violações do Casamento, Pessoa solteira e Divórcio"

Nos tempos bíblicos, o primeiro passo no casamento era dado pelo homem ou por sua família (Gênesis 4:19; 6:2; 12:19; 24:67; Êxodo 2:1). Geralmente, as famílias do casal faziam o arranjo do casamento. Assim Hagar, como chefe da família "o casou [Ismael] com uma mulher da terra do Egito" (Gênesis 21:21). Estando Isaque com quarenta anos de idade, era perfeitamente capaz de escolher sua própria esposa (Gênesis 25:20); no entanto, Abraão mandou seu servo a Harã a fim de buscar uma esposa para Isaque (Gênesis 24). Abraão deu ao servo duas ordens estritas: A noiva não podia ser cananeia, e devia deixar o lar paterno para viver com Isaque na Terra Prometida. Em circunstância alguma devia Isaque voltar a Harã para viver de acordo com o antigo modo de vida da família. O servo de Abraão encontrou a orientação do Senhor em sua escolha (Gênesis 24:12-32). Então, segundo o costume da Mesopotâmia, ele fez os arranjos com o irmão e a mãe da moça (Gênesis 24:28-29, 33). Ele selou o acordo …

Moringa, uma planta com imensos benefícios

Se ainda não ouviu falar da moringa, vai, neste artigo ficar a conhecer uma planta com bastantes benefícios para a saúde e o bem-estar do corpo. Moringa (Moringa oleifera) é uma planta de origem tropical ainda pouca conhecida na Europa, embora o seu uso como suplemento dietético comece pouco a pouco a estender-se. Um número cada vez maior de estudos científicos associam a ingestão de moringa em pó com inúmeros benefícios para a saúde, como a melhoria da pressão arterial, da glicose, a redução do colesterol, entre os outros. A árvore da Moringa Oleifera atinge uma altura de 7-12 metros é, originária das zonas próximo do Himalaia (Índia e Paquistão), e muito popular em países tropicais e subtropicais da África, Ásia (Filipinas, Camboja), América do Sul e Central e no Havaí, onde também é cultivada. Moringa – um potencial suplemento dietético A árvore de Moringa vem sendo usada ao longo dos tempos como uma planta medicinal. Sendo por isso conhecida como árvore milagrosa. Todas as partes …